Pular para o conteúdo principal

Lille: a encantadora cidade do norte da França

Grand'Place: praça principal da cidade de Lille, norte da França.
 Grand'Place / Vieille-Bourse à direita na foto

Lille é a capital da região Hauts-de-France, localizada no extremo norte da França, bem próxima à fronteira belga. A lenda conta que a cidade foi fundada em 640 por Lydéric, mas o primeiro registro histórico escrito sobre Lille é de 1066. A cidade pertenceu a vários países e impérios ao longo de sua história, tornando-se definitivamente francesa em 1713 sob o reino de Luís XIV, após a assinatura do Tratado de Utrecht. Devido a todas estas influências Lille tem um rico patrimônio histórico e arquitetônico.

Importante polo industrial no século XIX, a região sofreu um terrível declínio com o fim das atividades tradicionais -  minas de carvão, indústrias siderúrgica e têxtil - à partir dos anos 1970. Lille começa então uma fase de conversão para o setor terciário e o turismo.

Com aproximadamente 240 mil habitantes intra-muros (quase 1,2 milhões de habitantes na região metropolitana formada por 90 municípios) Lille é a quarta metrópole francesa e terceira aglomeração universitária do país. Com uma localização privilegiada na Europa, suas duas estações de TGV (trem de alta velocidade) ficam a 80 minutos de Londres, 60 minutos de Paris e 35 minutos de Bruxelas. Hoje também existem várias linhas de ônibus com preços muito atrativos que circulam pela Europa e passam por Lille (FlixBus, Ouibus).

Para quem está de passagem, dois dias são suficientes para conhecer os principais pontos turísticos da cidade e descobrir como Lille é encantadora. Você vai se apaixonar pela "capital da Flandres francesa"  😍

Sistema de transporte

A melhor maneira de conhecer Lille é à pé mas o metrô vai ajudar muito para visitar os museus que estão fora da cidade. Inaugurado em 1983, foi o primeiro metrô no mundo a utilizar um sistema inteiramente automático. São duas linhas de metrô e uma linha de tramway que nos leva praticamente até a fronteira belga. Os tickets podem ser comprados nas máquinas das estações ou no Office de Tourisme de Lille.

Les tulipes de Shangri-La, obra da artista Yayoi Kusama - Esplanade François Mitterrand em Lille
Les tulipes de Shangri-La, obra da artista Yayoi Kusama - Esplanade François Mitterrand

O que você não pode perder em Lille 

1. Grand'Place

Local onde acontecia as transações comerciais da cidade desde a idade média, a Grand'Place foi o coração econômico de Lille durante séculos. Depois de transformações sucessivas, em 1944 ela passa a ter o nome de uma das personalidades mais celebradas do país, o Général de Gaulle. Uma dupla homenagem ao libertador da França na segunda guerra pois ele nasceu em Lille.

2. Vieille Bourse

Monumento emblemático da cidade, a Vieille-Bourse (ponto de encontro dos negociantes da cidade e antiga câmara do comércio)  é um magnífico exemplo da renascença flamenga do século XVII. Construída pelo arquiteto Julien Destrée entre 1652 e 1653, ela é formada por 24 casas idênticas em volta de um pátio e uma galeria coberta. A riqueza dos detalhes externos e internos merecem ser apreciados ! Destaque para o brasão do Rei Felipe IV, lembrando que na época Lille pertencia aos Países Baixos sob domínio espanhol. Pode-se entrar gratuitamente para visitar o pátio interno nas tardes de terça a domingo quando acontece um mercado de livros antigos.

3. Flâner nas ruas charmosíssimas do bairro Vieux-Lille

O Vieux-Lille é o bairro descolado e centro histórico da cidade. Percorrer suas pequenas ruas de paralelepípedo e admirar as fachadas coloridas é uma viagem no tempo ! E para quem curte umas comprinhas aqui é o lugar. Das marcas de luxo ao brechó chic, passando por confeitarias e cafés bacanas, este bairro é uma delícia !

Flâner: perambular, andar sem rumo e sem pressa.

Um dia frio com sol no Vieux-Lille, perfeito para passear e descobrir Lille
Um dia frio com sol no Vieux-Lille, perfeito para passear e descobrir a cidade

Cena em umas das ruas do Vieux-Lille, bairro charmoso da cidade de Lille, norte da França.
  Vieux-Lille, bairro com muitas lojas, cafés e restaurantes

Vieux-Lille: bairro pitoresco e super charmoso de Lille, norte da França.
Um dos cantinhos mais belos do bairro Vieux-Lille !
 

4.  Museus

E surpreendente constatar como uma pequena cidade pode oferecer tantos museus com acervos variados e de grande qualidade !

Palais des Beaux-Arts: Inaugurado em 1892 e inteiramente renovado em 1997, o PBA é um museu municipal que apresenta uma magnífica coleção de pinturas, esculturas, objetos de arte, antiguidades e desenhos. A qualidade do acervo coloca este museu como um dos mais importantes da França. Ele fica na Place de la Répubique, área central da cidade. http://www.pba-lille.fr/

Musée des Beaux Arts, Lille
Musée des Beaux Arts, Lille

La Piscine de Roubaix: situado na cidade de Roubaix, metrópole de Lille (acessível por metrô), este é com certeza um dos museus mais interessantes da Europa. Se você tem tempo para somente uma visita cultural vá até lá ! Já contei a história deste museu incrível aqui.

Musée La Piscine de Roubaix, um dos museus mais bonitos da França.
Musée La Piscine: todos se encantam neste museu !

LaM - Lille Métropole Musée d'art moderne, d'art contemporain et d'art brut 
Outro museu fora da cidade mas acessível por transporte público. Ele fica dentro de um lindo parque e abriga mais de 7000 obras reunindo arte moderna, contemporânea e bruta. Picasso, Léger, Braque, Modigliani, van Dongen, Calder ... a coleção é surpreendente ! http://www.musee-lam.fr/fr

Villa Cavrois: Se você curte arquitetura não pode deixar de visitar esta casa, um projeto sublime do arquiteto francês Robert Mallet-Stevens. Falei dela aqui no blog neste post.

Villa Cavrois: um projeto belissimo do arquiteto Robert Mallet-Stevens.
A Villa Cavrois fica bem perto de Lille e é acessível com transporte público 

5. Gastronomia

Visitar uma região sem experimentar ao menos uma especialidade local ? Jamais ! Lille oferece ótimos restaurantes, não vai ser difícil encontrar estes pratos:

Carbonade flamande: Poderíamos chamar de "boeuf bourguignon" ou "carne de panela" à moda do norte, especialidade à base de carne cozida lentamente com cerveja, servida com batatas fritas ou cozidas.

Carbonade Flamande, um dos pratos tradicinais do norte da França
Carbonade Flamande

Welsh: Prato para você sair definitivamente da dieta ! Fatia de pão regado com cerveja, mostarda, presunto, coberto com cheddar derretido. Esta é versão simples, cada estabelecimento pode mudar um pouco a receita.

Potjevleesch: Com certeza o prato com o nome mais complicado da lista, se trata de uma terrine feita com várias carnes (porco, coelho, frango e vitelo).

Tarte au Maroilles: Torta salgada feita com o queijo mais famoso do norte da França. Pode ser servida como entrada ou prato principal acompanhada com salada ou batatas fritas. Aliás, praticamente todos os pratos são servidos com batatas fritas por aqui 😂

Tarte au Maroilles

Queijos e cervejas do norte da França, a harmonizão perfeita !
Maroilles, Mimolette e Vieux-Lille, alguns dos queijos tradicionais do norte

Gaufre fourrée: waffle de forma oval e recheado tradicionalmente com vergeoise (acucar marron nao refinado proveniente da beterraba).
Esqueçam os waffles conhecidos em todo o lugar, em Lille é preciso experimentar a receita do waffle recheado com baunilha da Maison Méert, uma receita criada no atelier da rue Esquermoise em 1849. Eram os preferidos do General de Gaulle e da escritora Marguerite Yourcenar, outra pessoa ilustre nascida em Lille.

Fundada em 1761, a Maison Méert é mais do que uma confeitaria, é uma verdadeira instituição. Além dos famosos waffles, os doces e chocolates sao excepcionais, vale a visita !
📍 Confeitaria, salão de chá e restaurante: 27 rue Esquermoise https://www.meert.fr/

A confeitaria Méert foi fundada em 1761 em Lille, norte da França.
Este é o Impérial, um dos doces maravilhosos da Méert

Le Merveilleux: um "Merveilleux" é um doce de origem belga muito popular no norte da França, uma receita deliciosamente simples: merengue, chantilly e lascas de chocolate.
Se você quer experimentar esta maravilha aí vai  um conselho, corra em uma das lojas Aux Merveilleux de Fred !

Quem é Fred ? Se trata de Frédéric Vaucamps, confeiteiro do norte da França que reinventou a receita e o modo de fabricação, os doces ganharam leveza e variedade de sabores. Em 1985 ele abriu uma confeitaria artisanal em Hazebrouck, norte da França, e suas maravilhas tiveram tanto sucesso que ele decidiu investir somente nesta especialidade. Em 1997 sua primeira loja em Lille era inaugurada no bairro chic do Vieux-Lille, daí em diante não parou mais ! Hoje já são várias lojas na França mas também na Belgica, Suiça, Alemanha e Inglaterra ...
Além da qualidade da matéria prima, os doces são fabricados na frente dos clientes diariamente em todas as boutiques, o que contribui com certeza para a sua popularidade ! Difícil resistir !
📍 3 endereços em Lille:
67 rue de la Monnaie (bairro Vieux-lille)
Gare Lille Flandres (estação de trem)
336 rue Léon Gambetta (bairro Wazemmes)


um "Merveilleux" é um doce de origem belga muito popular no norte da França
Aux Merveilleux de Fred, Lille

Sem esquecer as ótimas cervejas da região !

Além da arquitetura, a paixão pela cerveja é a outra semelhança que o norte da França tem com a Bélgica, aqui o consumo de cerveja é bem superior da média do pais. A região tem varias marcas que podemos chamar de tradicionais como Castelain, Ch'Ti, Jenlain, Trois Monts, La Goudale, La Choulette e uma infinidade de marcas mais recentes que demonstram a vitalidade do setor cervejeiro do norte. Entre os fabricantes mais novos destacam-se a Brasserie Saint-Germain, Brasserie Thiriez, Brasserie du Pays Flamand, Brasserie Célestin e Brasserie Cambier.

Bares

Muita cidades na França têm uma rua chamada de "rue de la soif" (rua da sede) expressão em francês que designa uma rua com grande numero de bares. Lille tem várias 😅 Destaque para as ruas Masséna e Solférino com uma concentração impressionante de bares e são muito frequentadas por estudantes.

Algumas sugestões para os amantes de boas cervejas 

Beerstro | 10 Rue du Pont Neuf http://www.beerstro.fr/
São 14 torneiras com cervejas francesas e internacionais com um sistema de auto-serviço que acho bem legal (você se serve a quantidade que desejar) e uma carta de cervejas em garrafa muito boa.


Além de oferecer cervejas excelentes, o Beerstro tem uma comida muito gostosa e com uma proposta original com relação à sobremesa: a "bière gourmande" ! Eu explico ...

☕️🍮 Na França o "Café Gourmand" é uma ótima opção para se terminar uma refeição, o café é servido com várias mini sobremesas da casa. Boa pedida para quem está viajando e quer experimentar os doces da gastronomia francesa ! Visitando o Beerstro pela primeira vez tive uma ótima surpresa, a casa também propõe uma "bière gourmande", cerveja no lugar do café. A harmonização de cerveja com doces pode parecer estranha para quem ainda não provou mas acredite, com a cerveja adequada pode ser uma experiência muito bacana ! Uma deliciosa milk stout (cerveja escura) com baunilha acompanhou perfeitamente os doces - crumble aux pommes, panna cotta vanille et coulis de fruits rouges, tarte tatin e mousse au chocolat 😋

La Capsule | 25 Rue des trois Mollettes https://www.bar-la-capsule.fr/
Pioneiros no que se refere às cervejas artesanais, o bar foi inaugurado em 2008. São 28 torneiras e mais de 100 rotulas em garrafas de cervejas francesas e internacionais. Ponto negativo: está sempre lotado !
Delirium Café | 50 rue Masséna https://www.facebook.com/deliriumcafelille/
Agora Lille também tem um Delirium ! Uma das franquias mais conhecidas no mundo cervejeiro foi inaugurada em fevereiro de 2019 com 45 torneiras e mais de 600 referencias em garrafas.



Que tal um passeio em Paris ou Lille com roteiro personalizado ? 

Entre em contato por e-mail e agende o seu.

Comentários